Site Loader

Estudo do ISG indica que IaaS, SaaS e PaaS cresceram 38% no último ano. Enquanto isso, outsourcing clássico caiu 4%

Mercado migra de outsourcing tradicional para ‘as a service’

O mercado global de terceirização e outsourcing de TI fechou 2016 com saldo positivo e crescimento de 9%, segundo dados da consultoria ISG. Dentro desse segmento, o outsourcing clássico registrou retração de 4%, enquanto que o mercado ‘as a service’ – formado por infraestrutura como serviço (IaaS, na sigla em inglês), software como serviço (SaaS, na sigla em inglês) e plataforma como serviço (PaaS), saltou 38%.

“Há uma tendência de migração e as a service já representa um terço do mercado global de serviços”, observa Andreas Lüeth, sócio da ISG. Segundo ele, o destaque está nas modalidades IaaS e SaaS, com salto de 54% e 13%, respectivamente. “IaaS é a grande tendência”, completa. Geograficamente, a Europa, de acordo com ele, teve expansão de apenas 2%. Enquanto isso, Ásia/Pacífico cresceu 16% e Américas 14%.

Lüetho assinala que nas Américas é interessante notar que os maiores nomes do mercado de outsourcing tradicional são de empresas globais. No topo, está e IBM, mas ele destaca, ainda, NTT Data, que entrou pela primeira vez na listagem, e T-Systems. Entre os nomes do mercado ‘as a service’, os holofotes estão voltados para Amazon Web Services (AWS), Google, Microsoft, Oracle e SAP.

No Brasil, o executivo aponta que 2015 foi um ano desafiador para outsourcing, mas o ano passado foi de recuperação. Entre os setores que mais investiram em terceirização estão financeiro, saúde, business service e de consumo. Manufatura, por outro lado, teve baixa procura por outsourcing.

Para este ano, observa Lüeth, a expectativa é de que retomada. Tudo indica que o mercado de serviços crescerá dois dígitos, abrindo cada vez mais espaço para o modelo ‘as a service’. Para acessar o estudo completo, clique aqui.

Publicado por:
DÉBORAH OLIVEIRA

Post Author: Akurat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *